TIMIDEZ



          O que não se é percebido é que a timidez em dado grau, funciona como um   “regulador social”, atribuindo culpa e vergonha para evitar excessos que transformariam nossa sociedade num verdadeiro caos.

A timidez pode ser desconfortável  ou inconveniente. De forma geral, a timidez é descrita como  um conjunto de sinais e sintomas, como por exemplo, podemos citar , o sentir-se mal com o contato social, assim como não saber abordar um início de conversa por lhe trazer medo.
A Fobia Social, Ansiedade Social, assim como o Transtorno de Personalidade de Esquiva são percebidas como uma forma de Timidez mais severa, pois causa mais sofrimento e grandes prejuízos a vida da pessoa.
Podemos afirmar com bases em vários autores que a timidez é uma questão psicológica, já que a pessoa não consegue realizar coisas por que ela anseia muito, a despeito de ter potencial em determinada área de sua vida, seja na profissional, escolar ou particular.
Quando a pessoa está em interação social é comum acontecer sintomas  somáticos agudo, como: palpitação, sensação de afundamento no estômago, tremores, falta de ar, rubor, sudorese, tensão muscular, boca seca, náusea, diarréia e dor de cabeça.
Freqüentemente as causas da timidez são silenciosas e discretas. Contudo podemos dar um parâmetro, clarificando esta situação.
Formas depreciativas de se referir à pessoa ou barganhas feitas a ela enquanto criança, interfere em sua formação e no seu auto – conceito.
A pessoa não se dá conta  de que é capaz, se sentido sempre em posição desfavorável em relação ao outro. Isto também ocorre, quando os pais têm dificuldade de expressar seu afeto, fazendo com que a criança não consiga desenvolver conceitos de que realmente é amada  por eles. Assim nasce um conceito de que não poderá ser bem quista por ninguém.
Quando é percebido que sua vida está ficando cada vez mais limitada, a pessoa tímida começa a encontrar desculpas para evitar convites e acontecimentos, não podemos deixar de ressaltar que tudo isso ocorre com muito sofrimento por parte desta pessoa, pois percebe que são atividades que  poderia muito bem dar conta, mas que algo a “impede” de realizar.
Assim, podemos dizer que a timidez se trata de um desconforto  diante de situações sociais, que atrapalham a pessoa tanto no âmbito pessoal como no profissional.
Para podermos entender o porquê algumas pessoas são mais tímidas que outras, devemos primeiramente falar do fator genético, pois pais tímidos tendem a ter filhos igualmente tímidos. A segunda razão seria o modelo de comportamento que os pais passam as crianças, já que elas tendem a repetir o que vêem.
A influência do ambiente é de grande relevância, pois uma família que não freqüenta reuniões sociais de qualquer natureza,  a criança não terá hábito de desenvolver sua interação social.
A timidez poderá atingir também o setor das afetividades , onde a vergonha, a solidão, tristeza, depressão e baixa auto-estima estão instaladas.
Já os sintomas fisiológicos mais observados são  taquicardia, boca seca, tremores, sudorese e gagueira.
A inibição e a passividade são sintomas comportamentais comumente encontrados, assim como evitar contato visual e baixo tom de voz, expressão corporal reduzida, bem como  comportamentos nervosos.
Outra forma de enfrentamento da timidez é a ‘extroversão líquida’, obtida através de medicamentos não receitados, drogas ou álcool, para que a tensão seja reduzida, tornando a pessoa mais extrovertida.
Para que as pessoas enfrentem sua timidez , devem buscar estarem em círculos de amizades, lugares públicos. Uma outra forma de driblar esta situação é lendo livros de auto-ajuda ou freqüentando grupos e seminários sobre o assunto.
Estudos comprovam que a timidez surge na adolescência e por volta dos vinte anos a maioria destes adolescentes já superou ou reduziu substancialmente a timidez.
Percebemos a necessidade de utilizar um tratamento focado para a ansiedade utilizando técnicas para se obter um maior controle das emoções que auxiliam as pessoas a superar seu estado de timidez e ansiedade.
É percebido que estas pessoas estão presas num mundo à parte, necessitando de um tratamento terapêutico para melhorar seu estímulo, motivação, seu auto-conhecimento, sua habilidade social e libertando-se do  medo e ansiedade que permeiam sua vida social, profissional e familiar.
  
  

Comentários

  1. Seja lá o que se sente timidez ou....................
    sempre buscar ajuda profissional!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

SÍNDROME DE PETER PAN

COMO ANDA SEU HORÓSCOPO HOJE!!!

PAU QUE NASCE TORTO MORRE TORTO?